Inicial

Por que escrevi um livro motivacional?

Durante o tempo em que fiquei em tratamento de reabilitação motora, decidi escrever sobre o que eu estava vivenciando. Comecei a refletir sobre a vida e percebi que quando consegui chegar no topo da carreira, não estava feliz. Entrei em crise existencial, tive depressão profunda e síndrome do pânico, até pensei em suicídio. Minha fé e meu filho de 4 anos me impediram de cometer tal barbárie. Depois descobri que estava com câncer de tireoide. Fiz duas cirurgias, hoje consegui controlar a doença e posso dizer que estou praticamente curada.

Depois desse episódio até voltei a trabalhar, mas quando achei que retomaria minha rotina profissional no IFMS, tive um AVC hemorrágico provocado pelo rompimento de um aneurisma cerebral. Foi o pior momento da minha vida! Sofri uma parada cardíaca, após a colocação de um stent cerebral e passei pela experiência de quase morte, foi um momento surreal. Na obra cito todos os detalhes desse acontecimento.

O objetivo maior desta obra é ajudar outras pessoas a refletirem sobre o sentido da vida, pois compreendi que a minha história poderá servir de inspiração e exemplo para que elas também transformem suas vidas, evitando passar pelo que passei. Quero que as motive a não desistirem de seus sonhos.

Com todos esses acontecimentos aprendi que a felicidade não se resume às realizações profissionais. E que devemos equilibrar todos os setores da nossa vida. A família, o trabalho, o lazer, a intelectualidade, a espiritualidade, a saúde, etc., pois esses setores são os pilares para uma vida bem vívida.

Entendi que essas sucessivas doenças serviram como um alerta de que eu precisava transformar radicalmente minha forma de viver. Resultado, algumas editoras gostaram do manuscrito e, por essas razões, no próximo ano lançarei o livro.

O sentido da vida

Somente quando passamos por momentos dolorosos de sofrimento, despertamos para o que realmente importa nesta vida. Descobrimos o poder da essência humana e começamos a compreender o nosso “eu interior”. No livro “O Caminho da Superação” que será lançado em 2019, pela Editora Novo Século, faço um recorte sobre esse processo de superação após enfrentar todos esses episódios dolorosos.

Posso aclarar com propriedade que o universo nos dá sinais quando precisamos mudar o rumo de nossas vidas, principalmente quando não estamos no caminho da nossa missão de alma. No entanto, depois do despertar da consciência percebo com exatidão que esses acontecimentos se tornam mais claros. Foi como uma epifania, uma sensação indescritível de compreensão da essência humana. Passou um filme em minha mente, tive que passar por vários momentos dolorosos, acometidos por sucessivas doenças e até pela experiência de quase morte para compreender que precisava mudar. Hoje sinto-me equilibrada para superar os desafios que vivencio a cada dia, aprendi que para sermos felizes precisamos fortalecer o nosso “eu” interior. (trechos do meu livro)

Despertar da Consciência

Com o tempo descobri que tudo que passei e da forma que passei não aconteceu por acaso. Essa expressão condiz com a obra “Nada acontece por acaso” de Zíbia Gasparetto em que nos convida a refletir sobre a evolução humana ajudando-nos a entender os acontecimentos da vida. Diante de tudo que passei, decidi aceitá-los e dessa forma senti que estava sendo redirecionada para outra missão que percebi ser tão valorosa e importante quanto a que exerci na instituição em que trabalhei. Agora, o despertar espiritual me levou para outro caminho. Expresso-me dessa forma, pois é isso que eu sinto que aconteceu comigo, despertei a consciência e consequentemente comecei a fortalecer a minha espiritualidade. Hoje sou grata porque somente depois de passar por todo esse sofrimento consegui entender a razão de estar viva.

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close