Mulheres inspiradoras

De operadora de caixa em lotérica a dona de salão de beleza

Todas as profissões são de extrema importância na composição da sociedade. Qualquer que seja o trabalho tem seu valor e merece respeito. Sabemos que existem profissões que apresentam mais prestígio que outras, mas a verdade é que mesmo a mais simples do mundo têm igual importância, além de ser essencial em nossas vidas. Cabe elucidar que há áreas que não dependem de formação superior, mas demandam treinamento, aperfeiçoamento e prática para moldar um profissional de excelência. No mundo do trabalho temos diferentes áreas de atuação em que cada uma complementa direta ou indiretamente as necessidades das pessoas. Após deixar clara a importância das diversas áreas profissionais, passamos ao próximo ponto: você ama aquilo que faz? Você sente-se realizado/a na área em que atua profissionalmente? Faço tais indagações para falar da nossa mulher inspiradora de hoje. Katiuscia Aparecida de Freitas Miranda, natural de Campo Grande, 46 anos, casada a 27 anos com Marcelino e tem duas filhas: Emily de 23 anos e Maria Eduarda de 11 anos.

Ela conta que teve uma infância boa e que morou toda a vida com os seus avós maternos, pois sua mãe sempre trabalhou fora como manicure para sustentar a família. Também ressalta que sempre se orgulhou muito de sua mãe pela garra e coragem com que enfrenta as adversidades da vida e ainda acrescenta que seu pai foi vendedor. Na jornada da vida, tendo que enfrentar muitos desafios, além de ter que trabalhar e estudar ao mesmo tempo, Katiúscia, desanimou de findar seus estudos, pois escolheu casar cedo, aumentando sua carga de responsabilidades. Mesmo assim ela não desistiu de construir sua vida profissional, aos 22 anos começou a trabalhar como operadora de caixa numa casa lotérica, lugar em que teve a oportunidade de conhecer muitas pessoas diariamente e foi exatamente com essa experiência que percebeu que gostava muito de lidar com o público. Nessa época fez vários cursos e treinamentos sobre atendimento ao público e vendas, acabando por se destacar como vendedora de jogos, devido ao carinho e simpatia com que tratava a clientela. Quando completou 27 anos ela sentiu o desejo de largar esse emprego e buscar realizar seus objetivos profissionais, pois percebeu que o trabalho que estava executando não a fazia feliz. Era um bom emprego, porém não é o que a realizava profissionalmente. Sentiu que faltava algo mais para completá-la em sua essência.

Na busca dessa completude saiu do emprego. Primeiramente enfrentou o fato de não poder dar continuidade aos seus estudos, pois as dificuldades financeiras pesavam muito na balança da vida. Nessa caminhada por encontrar o ofício que a fizesse feliz, ela chegou a pensar em abrir um trailer de lanches. Ledo engano, pois depois de uma luz lançada por sua cunhada Marilda, que é cabelereira, ela finalmente descobriu seu dom! Marilda sugeriu a ela que fizesse um curso de cabeleireira para poder trabalhar em seu salão. Realmente esse conselho rendeu frutos, Katiúscia, que nunca havia pensando em tal possibilidade, decidiu aceitar esse novo desafio. Na época, já com trinta anos, conseguiu fazer um curso gratuito e começou a trabalhar no salão da cunhada. No entanto, devido aos altos e baixos da vida e com o receio de abrir seu próprio salão, voltou a trabalhar na lotérica, entretanto, não desistiu de seu grande sonho, apenas postergou até sentir segurança para executar tal dimensão. Dessa forma, ela trabalhava durante o dia na lotérica e à noite atendia nas residências, como cabelereira. Viveu durante três anos trabalhando nesse formato. Quando ficou grávida decidiu sair, mas continuou com seus atendimentos domiciliares por mais dois anos.

Entre idas e vindas, ela foi fazer escovas em um salão de beleza e lá comentou sobre suas aspirações em abrir o seu próprio. A dona do estabelecimento, chamada Elça, a convidou para trabalhar com ela. Lá atuou por cinco anos, foi nesse salão que, Katiúscia aprendeu muito profissionalmente. Abro aqui uns parênteses para constatar que realmente sempre há um ser de luz que ilumina nossos caminhos quando seguimos o nosso propósito. Nesse contexto ela comenta “ tudo que aprendi, coloquei em prática no meu salão, que abri faz cinco anos”. Ela conta que teve total apoio de seu esposo que sempre a valorizou ressaltando seu potencial. Desde então ela segue firme para conquistar seus desejos profissionais. Não se abateu nos momentos difíceis e hoje é empreendedora bem-sucedida, transformando-se em dona de seu salão de beleza. Ela divulga seu trabalho nas redes sociais postando o antes e depois dos serviços realizados no salão. Ela também reforça que: “ fiz muitos cursos de especialização e hoje atuo não só como cabeleireira, mas como educadora técnica e terapeuta capilar. São dezesseis anos de profissão e esse ano fui indicada para concorrer a uma premiação do Evento Tesoura de Ouro, o primeiro realizado aqui no estado. Não ganhei, porém, me senti vitoriosa pelo reconhecimento”. Nossa mulher inspiradora da semana em sua simplicidade e simpatia revela que seu defeito é falar demais e acredita que, às vezes, precisa falar menos. Ainda menciona que nas horas de laser adora curtir sua família, gosta de viajar e conhecer novos lugares para aprender sobre culturas e tradições. Destaco aqui o que ela considera sua maior qualidade “creio que é gostar de ajudar mulheres a crescer profissionalmente, a não desanimar diante de dificuldades, orientar e dar conselhos a nunca desistir dos seus sonhos. Pois quando abri meu salão foi em meio a uma crise financeira do país. Hoje me sinto feliz profissionalmente, mas ainda tenho o sonho de ter meu próprio prédio, pois dessa forma, estarei completamente realizada! ”.

Para finalizar a trajetória profissional de Katiúscia Aparecida de Freitas Miranda quero ressaltar seu exemplo como lição de vida, pois ela percorreu caminhos diferentes até encontrar o trabalho que a fizesse feliz, em meio a vários obstáculos, mudou de estratégia para alcançar seus objetivos. Com sua determinação e persistência tornou-se vencedora, além de melhorar a autoestima das mulheres ela incentiva o empoderamento feminino! Sua coragem e força é inspiradora e nos mostra que nunca devemos desistir dos nossos sonhos. Com essa linda história de superação pessoal e profissional vemos que todas as profissões são necessárias em nossa sociedade, a diferença está em trabalhar com o que se ama fazer.

Categorias Motivação, Mulheres, SuperaçãoTags , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close